Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Profissionais da saúde’ Category

A saúde mostra o caminho: menor peso para uma vida longa e saudável

  

 

Os resultados de uma pesquisa com adultos mostraram que muitos sabem que suas chances de desenvolver doença coronariana e diabetes crescem quando estão acima do peso, mas apenas 25 por cento daqueles pesquisados sabiam que o risco de ter câncer também aumenta. Muitos são os trabalhos mostrando os tipos de câncer ligados à obesidade, entre eles os de: útero, esôfago, intestino, rim, leucemia, mama, mieloma múltiplo (médula óssea), pâncreas, linfoma não-hodgkin e ovário. O excesso de gordura corporal parece ser o vilão. As células de gordura são ativas na produção hormonal e fatores de crescimento, características que contribuem para acelerar a divisão e a reprodução celular. E, quanto mais células se duplicam, maiores as chances de alguma replicação ser inadequada, originando uma célula maligna. A partir daí, estes hormônios adicionais levam a uma rápida reprodução das células cancerígenas.

 

As mulheres são o maior alvo. Cerca de 60% dos casos de câncer por causa da obesidade atingem mama ou útero e a ligação entre o peso e o risco de câncer também depende do estágio de vida da mulher. O risco de câncer de mama, pela obesidade, aumenta apenas depois da menopausa, implicado com a variação de estrogênios – mais abundantes no sangue das obesas.

Já o risco de câncer de intestino é maior antes deste período. Trabalho, publicado na população japonesa, sugere que diagnóstico de adenoma colorretal (tipo de neoplasia de intestino) foi maior nos indivíduos com maiores índices de massa corpórea e, à medida que houve a redução do peso, também houve a diminuição da prevalência da doença.

  

Uma pesquisa sueca descobriu que a obesidade influencia os riscos oferecidos pelo câncer de próstata. Homens obesos têm menos chance de desenvolver a doença, mas, se são vitimados por ela, a chance de morte aumenta. Possivelmente, isto é explicado pelo baixo nível de testosterona (esteróide sexual masculino) que esta diminuída em homens obesos, mas eles podem, em contrapartida, estarem mais expostos a uma forma mais agressiva do tumor, que depende menos de testosterona.

A preocupação com o peso adequado vai muito além de valores estéticos. O investimento em um estilo de vida mais saudável hoje é garantir benefícios para uma vida mais longa no futuro.

Read Full Post »

Problema distancia médicos de seus pacientes

 

É cada vez mais clara a barreira entre os profissionais da área da saúde e seus pacientes. Isso tem sido motivo de estudos na área de psicologia do estresse, que nomeou esta “evitação” intensa de burnout. Definição ligada aos comportamentos e sentimentos de uma pessoa que, ao longo do tempo, é exposta a situações de estresse emocional, não consegue lidar com o sofrimento alheio e não se desvencilha dele de forma adequada e positiva. A conseqüência disso é a distância entre o profissional da saúde (que se protege, para evitar seu próprio sofrimento) e seu paciente (que sente esse profissional cada vez mais indiferente ao seu sofrimento).

A instalação do burnout é progressiva, passa por fases e, muitas vezes, só é percebida quando já está bem manifesto. Inicialmente, há uma exaustão emocional, a pessoa sente-se sem energia, indisposta e indisponível para se sensibilizar com o problema do outro. A distância progride e evolui para uma “despersonalização” do paciente, que passa a ser o “objeto” a ser tratado, gerando um relacionamento de insensibilidade, baixa tolerância, resultando em procedimentos e atendimentos muito objetivos e rápidos. Por fim, o profissional sente-se cada vez mais desmotivado e com baixa auto-estima, culpando um trabalho que não lhe traz realizações – o que fica evidente quando se recebe reclamações de um paciente insatisfeito com o relacionamento entre ele e o profissional que lhe assiste.

Muito pouco se sabe e, ainda menos se divulga, sobre esse tipo de estresse – que pode ser tão comum em nosso meio. Desta forma, o que parece uma simples irritabilidade freqüente no trabalho, passa despercebido por todos nós.

O reconhecimento e o tratamento do burnout, segundo estudos e textos publicados pela fundadora do Centro Psicológico de Controle do Stress, Dra. Marilda Emmanuel Novaes Lipp, reata um vínculo saudável entre o profissional da saúde e o paciente, baseado em um atendimento mais humano e afetivo. Resultado? Saúde para todos!

Read Full Post »

Com o objetivo de manter os pacientes e as pessoas que necessitam de informações sobre endocrinologia, a Dra. Glaucia Duarte apresenta no blog desde novidades até artigos e informações a respeito desta especialidade médica.

Especializada no tratamento de desequíbrios de tireóide, ela trará para mais perto de seus leitores – antigos ou que estejam chegando agora – dados importantes para ajudar àqueles que precisam entender melhor o assunto e todas as suas vertentes, entre muitos outros.

Embora todas as informações tenham como base evidências e estudos  científicos não têm a intenção de substituir uma consulta médica, fazer diagnósticos ou indicar tratamentos.

Fiquem à vontade!

Read Full Post »